Notícias

GelAvista

3 horas atrás
GelAvista

Partilhamos as ocorrências de #OrganismosGelatinosos avistados ao longo da última semana em #Portugal pelos #ObservadoresGelavista. Verifica-se um começo de ano apagado em termos de ocorrências de gelatinosos. Vamos continuar atentos! ➤ Catostylus tagi (#MedusadoTejo) - Rio Tejo, oceanário de Lisboa (#lisboa) - Praias da Costa da Caparica (#almada) - Rio Sado, ao largo do parque Urbano de Albarquel (#setubal) - Praia do Ancão (#loule) - Praia de Faro (#faro) - Ria Formosa, praia dos Tesos (#tavira) - Praia de Monte Gordo (#vilarealdesantoantonio) ➤ Physalia physalis (#Caravel

GelAvista

ontem
GelAvista

A palavra escolhida para hoje é observação, a primeira etapa do método científico. Ajude-nos a realizar a monitorização das espécies que ocorrem em Portugal. Aceite o nosso desafio e envie-nos os seus avistamentos, mesmo que nulos, através da aplicação #GelAvista ou para plancton@ipma.pt. Seja um cidadão cientista! Contamos consigo para fazer ciência. IPMA CIIMAR / CIMAR Associate Laboratory #IPMA #ciênciacidadã #citizenscience #observadoresgelavista #jellyfish #mar #sea #oceano #ocean #praia #beach #natureza #nature #naturephotography #marinelife #marinebiology

GelAvista

2 dias atrás
GelAvista

O GelAvista participou ontem no ciclo de palestras “Um Passo à Frente em…", promovido pelo Núcleo de Estudantes de Biologia e Geologia da Associação Académica da Universidade de Aveiro (NEBG-AAUAv). A iniciativa decorreu no anfiteatro do Departamento de Geociências, onde apresentamos o nosso projeto e o seu contributo científico ao longo de oito anos de existência. Abordaram-se também os procedimentos a adotar em caso de contacto com as espécies gelatinosas. IPMA CIIMAR / CIMAR Associate Laboratory #ipma #ciênciacidadã #citizenscience #observadoresgelavista #gelatinosos #jel

GelAvista

3 dias atrás
GelAvista

Hoje celebramos o 8.º aniversário do GelAvista, projeto de ciência cidadã que nasceu com o objetivo de monitorizar os organismos gelatinosos que ocorrem no país. Este pretende aumentar o conhecimento existente sobre a diversidade, distribuição e dinâmica das espécies, avaliando os efeitos das alterações climáticas nos ecossistemas costeiros marinhos, e promover a literacia dos oceanos. Nesta importante data, importa agradecer a incrível colaboração dos observadores GelAvista, que têm sido incansáveis no decorrer destes oito anos de atividade, bem como recordar todos os profi

GelAvista

4 dias atrás
GelAvista

Raramente avistada em Portugal, a Medusa-da-lua (Aurelia aurita) distingue-se pelo seu aspeto translúcido e pelas gónadas em forma de ferradura, visíveis no centro da campânula. Envie-nos qualquer avistamento desta ou de outras espécies através da nossa aplicação ou para plancton@ipma.pt. Seja um cidadão cientista! Contamos consigo para que, em conjunto, possamos continuar a fazer ciência. 📷 Rita Pires IPMA CIIMAR / CIMAR Associate Laboratory #ipma #ciênciacidadã #citizenscience #observadoresgelavista #jellyfish #medusa #alforreca #sea #mar #oceano #ocean #praia #beach

GelAvista

7 dias atrás
GelAvista

Partilhamos as ocorrências de #OrganismosGelatinosos avistados ao longo da última semana em #Portugal pelos #ObservadoresGelavista. Verifica-se um começo de ano apagado em termos de ocorrências de gelatinosos. Vamos continuar atentos! ➤ Physalia physalis (#CaravelaPortuguesa) - Praia Verde (#castromarim) - Praia da Fontinha (#portosanto) - Praia do Porto Pim (#faial) ➤ Catostylus tagi (#MedusadoTejo) - Praia das Avencas (#cascais) - Praia de Algés (#oeiras) - Praias da Costa da Caparica (#almada) ➤Rhizostoma luteum (#MedusaTambor) - Praia de Monte Gordo (#vilarealdesantoanto

GelAvista

há uma semana
GelAvista

No próximo dia 20 de fevereiro, data em que completa oito anos, o projeto GelAvista participa no ciclo de palestras “Um Passo à Frente em…", a convite do Núcleo de Estudantes de Biologia e Geologia da Associação Académica da Universidade de Aveiro (NEBG-AAUAv). Subordinada ao tema “GelAvista - contributo para o estudo dos organismos gelatinosos e ecossistemas marinhos”, a iniciativa decorrerá às 17h15 no anfiteatro do Departamento de Geociências. Se estiver por perto, venha conhecer melhor o nosso projeto de ciência cidadã e o trabalho científico que temos vindo a desenv

GelAvista

há uma semana
GelAvista

Nesta quadra festiva, voltamos a agradecer a participação de todos os observadores GelAvista que, nas suas deslocações às zonas costeiras no âmbito de atividades de lazer ou profissionais, nos enviam os seus avistamentos. Se ainda não embarcou nesta ambiciosa aventura científica, junte-se a nós e colabore na monitorização das espécies de organismos gelatinosos que ocorrem em Portugal. Seja um observador #GelAvista! Contamos consigo para fazer ciência. Votos de um excelente Carnaval e continuação de muitos e bons avistamentos! Saudações gelatinosas, A Equipa GelAvista

GelAvista

2 semanas atrás
GelAvista

Transparentes e em forma de barril, tubo ou cilindro, as salpas são organismos gelatinosos do grupo dos cordados. Não são medusas e, ao contrário destas, possuem um sistema nervoso e um sistema digestivo complexos, tendo mesmo um coração, um cérebro e intestinos. Encontrando-se em todos os mares e oceanos, as salpas apresentam um ciclo de vida curioso. Na sua fase colonial, agrupam-se em cadeias de clones que podem atingir vários metros de comprimento, até que as correntes provoquem a sua separação. Transitam então para uma fase solitária para se reproduzirem, dando origem a nov

GelAvista

2 semanas atrás
GelAvista

Partilhamos as ocorrências de #OrganismosGelatinosos avistados ao longo da última semana em #Portugal pelos #ObservadoresGelavista. Verifica-se um começo de ano apagado em termos de ocorrências de gelatinosos. Vamos continuar atentos! ➤ Catostylus tagi (#MedusadoTejo) - Praia de Algés (#oeiras) - Praia da Torre de Belém (#lisboa) - Praias da Costa da Caparica (#almada) - Praia do Vale de Centeanes e praia do Vale do Olival (#lagoa) ➤ Physalia physalis (#CaravelaPortuguesa) - Praia de Albufeira (#albufeira) ➤ Salpa - Praias da Costa da Caparica (Almada) ➤ Informações de a

GelAvista

2 semanas atrás
GelAvista

A AIMM - Associação para a Investigação do Meio Marinho promove o workshop “Introdução aos cetáceos”. A iniciativa destina-se a todos que procuram iniciar a sua aprendizagem ou aprofundar os seus conhecimentos, nomeadamente na identificação das espécies, metodologias de estudo e impactos antropogénicos. + info em https://www.aimmportugal.org

GelAvista

2 semanas atrás
GelAvista

Seja um #observadorGelAvista! Envie os seguintes dados de avistamentos de organismos gelatinosos através da app #GelAvista ou para plancton@ipma.pt: - Data, hora e local do avistamento; - Número estimado de organismos avistados na área; - Fotografia(s), se possível, do(s) gelatinoso(s) junto de um objeto que sirva de escala. Caso não encontre qualquer gelatinoso numa zona costeira, comunique-nos igualmente esse avistamento nulo, que confirma que a inexistência de registo das espécies naquele local não se deve à falta de observações. Contamos consigo para que, em conjunto, possa

GelAvista

3 semanas atrás
GelAvista

Tal como a caravela-portuguesa e o veleiro, o #botãoazul (Porpita porpita) é uma colónia de indivíduos que, desempenhando funções distintas, funcionam como um só organismo. Desloca-se igualmente à superfície do oceano, graças ao seu flutuador em forma de disco achatado. Possui estruturas semelhantes a tentáculos ramificados azulados, cujas extremidades estão cobertas de células urticantes, conferindo-lhe um formato arredondado. Envie-nos qualquer avistamento desta ou de outras espécies através da nossa aplicação ou para plancton@ipma.pt. Seja um cidadão cientista! Contam

GelAvista

3 semanas atrás
GelAvista

Partilhamos as ocorrências de #OrganismosGelatinosos avistados ao longo da última semana em #Portugal pelos #ObservadoresGelavista. Verifica-se um começo de ano apagado em termos de ocorrências de gelatinosos. Vamos continuar atentos! ➤ Catostylus tagi (#MedusadoTejo) - Praia de Algés (#oeiras) - Rio Tejo, doca de Santo Amaro (#lisboa) - Praias da Costa da Caparica (#almada) - Praia dos Três Castelos (#portimão) ➤ Informações de avistamentos nulos foram registadas em: - Praia de Mira e do Poço da Cruz (#mira) - Praia de São Pedro de Moel (#marinhagrande) - Praia da Areia Bra

GelAvista

3 semanas atrás
GelAvista

Sabe quais são os gelatinosos mais perigosos? Entre os gelatinosos, as medusas da classe Cubozoa, ou cubomedusas, são as que possuem maior poder urticante a nível global. É neste grupo de cnidários que podemos encontrar o animal marinho mais letal do mundo, a Chironex fleckeri, também conhecida por vespa-do-mar. Felizmente, as espécies mais perigosas de cubomedusas não ocorrem em águas portuguesas, sendo maioritariamente nativas da zona da Austrália e Indo-Pacífico. No Mar Mediterrâneo, é conhecida a presença de uma cubomedusa, a Carybdea marsupialis. Estes gelatinosos apres

GelAvista

3 semanas atrás
GelAvista

Um bloom é um aumento rápido da abundância de organismos de uma espécie numa determinada área, promovido por alterações das condições ambientais. Trata-se de um fenómeno comum, natural e, por norma, sazonal. Os gelatinosos conseguem reproduzir-se e crescer muito rapidamente. No contexto de alterações climáticas, uma elevada abundância dos mesmos poderá ter impactos nos ecossistemas marinhos e também afetar atividades económicas locais, como a pesca e o turismo. Informação sobre a ocorrência destes rápidos crescimentos na abundância de uma espécie é fundamental para um

GelAvista

4 semanas atrás
GelAvista

A medusa-ovo-estrelado (Phacellophora camtschatica) é uma medusa de grandes dimensões, que pode atingir até 60 centímetros de diâmetro. Através da campânula translúcida, é possível observar quatro gónadas de cor amarela, que lhe conferem o aspeto de ovo estrelado. A medusa apresenta braços orais em forma de cortina e centenas de tentáculos distribuídos no bordo da sua campânula. Considerada como ligeiramente urticante, esta espécie raramente é avistada em águas portuguesas. Envie-nos qualquer avistamento desta ou de outras espécies através da nossa aplicação ou para

GelAvista

4 semanas atrás
GelAvista

Partilhamos as ocorrências de #OrganismosGelatinosos, avistados ao longo da última semana em #Portugal pelos #ObservadoresGelavista. Verifica-se um começo de ano apagado em termos de ocorrências de gelatinosos. Vamos continuar atentos! Para informações sobre os cuidados a ter e quais as espécies mais venenosas consulte https://gelavista.ipma.pt/cuidados/ ➤ Catostylus tagi (#MedusadoTejo) - Praia de Paço de Arcos (#oeiras) - Terreiro do Paço, cais do Sodré (#lisboa) - Praias da Costa da Caparica (#almada) - Praia do Meco (#sesimbra) - Praia da Rocha Baixinha, praia dos Alemães (#

GelAvista

4 semanas atrás
GelAvista

No seguimento da palavra do dia publicada a semana passada, "Ciência", hoje descrevemos o método científico e enumeramos as suas diferentes etapas. Ajude-nos a realizar a monitorização das espécies que ocorrem em Portugal. Aceite o nosso desafio e envie-nos os seus avistamentos, mesmo que nulos, através da aplicação #GelAvista ou para plancton@ipma.pt. Seja um cidadão cientista! Contamos consigo para fazer ciência. IPMA CIIMAR / CIMAR Associate Laboratory #IPMA #ciênciacidadã #citizenscience #observadoresgelavista #jellyfish #mar #sea #oceano #ocean #praia #beach #natureza #

GelAvista

4 semanas atrás
GelAvista

Sempre que optar por utilizar o pé como referência de escala nas fotografias para ilustrar o seu avistamento, agradecemos que nos indique o número que calça. Só assim será possível ter uma verdadeira noção do tamanho do organismo gelatinoso observado. Ajude-nos a monitorizar os #gelatinosos em Portugal. Envie-nos dados sobre os seus avistamentos através da nossa aplicação, colocando a informação adicional no campo das observações, ou para plancton@ipma.pt. Seja um observador #GelAvista! Contamos consigo para fazer ciência. IPMA CIIMAR / CIMAR Associate Laboratory #ipma

GelAvista

há um mês
GelAvista

A #MedusadoTejo (Catostylus tagi) é a mais comum em Portugal continental. Ocorre um pouco por toda a costa, sendo avistada com frequência nos rios Tejo e Sado, bem como na ria de Aveiro e ria Formosa. Esta espécie distingue-se pelos seus oito braços orais espessos, que lembram cachos de uva, e pelas gónadas em forma de cruz, que são, muitas vezes, visíveis através da campânula. Colabore connosco e envie-nos os seus avistamentos desta ou de outras espécies através da nossa aplicação ou para plancton@ipma.pt. Seja um cidadão cientista! Contamos consigo para que, em conjunto, po

GelAvista

há um mês
GelAvista

Partilhamos as ocorrências de #OrganismosGelatinosos, avistados ao longo da última semana em #Portugal pelos #ObservadoresGelavista. Verifica-se um começo de ano apagado em termos de ocorrências de gelatinosos. Vamos continuar atentos! Para informações sobre os cuidados a ter e quais as espécies mais venenosas consulte https://gelavista.ipma.pt/cuidados/ ➤ Catostylus tagi (#MedusadoTejo) - Praia de Algés (#oeiras) - Praias da Costa da Caparica (#almada) - Praia da Falésia (#albufeira) ➤ Velella velella (#Veleiro) - Praia de Ofir (#esposende) - Praias da Costa da Caparica (Almada

GelAvista

há um mês
GelAvista

Ciência é a palavra escolhida para hoje. Uma vez que o GelAvista é um programa de ciência cidadã, importa definir este conceito, facilitando o envolvimento dos cidadãos no desenvolvimento de conhecimento científico. Ajude-nos a realizar a monitorização das espécies que ocorrem em Portugal. Aceite o nosso desafio e envie-nos os seus avistamentos, mesmo que nulos, através da aplicação #GelAvista ou para plancton@ipma.pt. Seja um cidadão cientista! Contamos consigo para fazer ciência. IPMA CIIMAR / CIMAR Associate Laboratory #IPMA #ciênciacidadã #citizenscience #observador

GelAvista

há um mês
GelAvista

Se não teve a oportunidade de acompanhar em outubro passado o 8.º Encontro GelAvista, ou quer recordar o que viu e ouviu, veja os resultados mais recentes da monitorização relativa aos arrojamentos de espécies gelatinosas no país, os estudos que já resultaram desta iniciativa de ciência cidadã e algumas das apresentações que decorreram no âmbito do evento em https://gelavista.ipma.pt/tema/encontros. Estamos já a preparar o 9.º Encontro, no qual esperamos poder contar com a sua presença! IPMA CIIMAR / CIMAR Associate Laboratory #IPMA #GelAvista #ciênciacidadã #citizenscien

GelAvista

há um mês
GelAvista

Foi publicado, na revista Cahiers de Biologie Marine, o artigo científico que relata a ocorrência, pela primeira vez em Portugal continental, da Medusa-ovo-estrelado (Phacellophora camtschatica), confirmada a partir de um avistamento registado em 2020 pelo GelAvista. O nosso programa de ciência cidadã já tinha recebido observações anteriores da mesma espécie no arquipélago da Madeira, em 2019, e nos Açores, em 2020 e 2021. Todas estas ocorrências são discutidas no trabalho, que contribui para o enriquecimento do conhecimento existente sobre a distribuição da espécie no nordest